• Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa

Programação » Sessão de Encontro com Autor

Código: P 074
Apresentação: Oral, segunda opção Pôster
Área Técnica: Plástica Ocular
Categoria / Classificação: Oftalmologia Cirúrgica
Região onde foi realizada a pesquisa: Nordeste

INSTITUIÇÃO ONDE FOI REALIZADO O TRABALHO:

CONEP:

AUTOR PRINCIPAL:

CO-AUTOR(ES):

TÍTULO:
ALTERAÇÕES POSICIONAIS DE PÁLPEBRAS E SUPERCÍLIOS APÓS BLEFAROPLASTIA

OBJETIVO:
O presente estudo teve como objetivos avaliar as alterações posicionais de pálpebras e supercílios antes e após cirurgia de blefaroplastia, e correlacionar as alterações encontradas com a idade e gênero dos pacientes.

MÉTODO:
A pesquisa foi realizada respeitando os princípios éticos estabelecidos pela resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde e análise pelo Comitê de Ética em Pesquisa - CEP / FACID registrado junto a Plataforma Brasil. Foi solicitado pelo Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) e autorização à instituição de ensino. Tratou-se de uma pesquisa prospectiva de caráter descritivo e abordagem quantitativa.
Foi desenvolvido no Hospital de Olhos Francisco Vilar em Teresina-PI sendo avaliados 27 pacientes que buscaram a cirurgia no Hospital de Olhos Francisco Vilar no período de janeiro de 2013 a maio de 2013. Estes foram fotografados e tomadas medidas lineares por meio de processamento digital, antes e após 30 dias da cirurgia. Foram tomadas as distâncias verticais entre o canto medial da pálpebra e o supercílio em três pontos: extremidades medial, lateral e ao nível pupilar (mediana) e as distancias verticais entre o canto medial da pálpebra e margem palpebral superior e inferior ao nível da pupila e as distâncias horizontal e vertical entre os cantos medial e lateral da pálpebra.

RESULTADOS:
Houve redução significativa (p<0,05) nas medidas que correspondentes ao supercílio. Em relação as medidas palpebrais, nenhuma teve alteração que fosse considerada significativa(p>0,05). Em relação a idade não houve correlação direta e linear entre as variáveis. Não houve procura de pacientes do sexo masculino pelo procedimento.

CONCLUSÕES:
Observou-se redução significativa nas medidas mediana e lateral de supercílios, sem correlação com as idades dos participantes. Não houve alteração nas medidas palpebrais. Assim, neste trabalho, foi concluído que a blefaroplastia causou abaixamento de supercílios.

Realização Realização - CBO
Organização/Comercialização Secretaria Executiva - ASSESSOR Secretaria Executiva - MAIS EVENTOS
Agência Oficial Agência de Viagens - Luck Viajens
Agência Web Agência Web - Inteligência Web