• Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa

Programação » Sessão de Encontro com Autor

Código: P 010
Apresentação: Pôster
Área Técnica: Catarata
Categoria / Classificação: Oftalmologia Cirúrgica
Região onde foi realizada a pesquisa: Nordeste

INSTITUIÇÃO ONDE FOI REALIZADO O TRABALHO:

CONEP:

AUTOR PRINCIPAL:

CO-AUTOR(ES):

TÍTULO:
RESULTADOS VISUAIS EM PACIENTES OPERADOS DE CATARATA CONGÊNITA UTILIZANDO TRIANCINOLONA INTRACAMERULAR X CORTICÓIDE ORAL

OBJETIVO:
Analisar diagnóstico e quadro clínico de crianças operadas de catarata congênita, comparando os resultados visuais dos casos em que foi utilizado triancinolona intracamerular com aqueles em que se usou prednisolona oral.

MÉTODO:
Realizou-se ensaio clínico, não controlado, em 44 crianças (70 olhos) com idade inferior a dois anos operadas de catarata congênita com implante de lente intraocular. Compararam-se os resultados visuais dos pacientes do grupo de estudo (35 olhos) que receberam injeção de de triancinolona intracamerular ao final da cirurgia com o grupo controle (35 olhos), que utilizou prednisolona via oral por 15 dias.

RESULTADOS:
Na amostra, predominou o sexo masculino (59,1%) e a ocorrência de catarata bilateral (59,1%). A causa da catarata não foi evidenciada em 79,5% dos casos; em 65,9%, a família identificou a alteração. A média de idade na primeira cirurgia foi de 10,2 ± 6,2 meses. Estrabismo foi encontrado em 84,1% das crianças e nistagmo em 36,4%. A acuidade visual no pós-operatório imediato das cataratas unilaterais foi estatisticamente melhor, de forma significativa, nos pacientes do grupo de estudo (p=0,037). Essa associação não se repetiu na última avaliação oftalmológica. Nos casos bilaterais, os grupos de estudo e controle tiveram acuidade visual semelhantes no pós-operatório imediato e na última avaliação oftalmológica (p=0,770 e 0,881, respectivamente).

CONCLUSÕES:
A causa da catarata congênita geralmente não é identificada e a alteração é principalmente detectada pela família. Casos bilaterais apresentam melhor resultado visual nos dois grupos estudados. O uso de triancinolona apresentou melhor acuidade visual no pós-operatório imediato nas cataratas unilaterais. Os resultados visuais tardios das crianças que utilizaram triancinolona são estatisticamente semelhantes aos das que usaram corticóide oral.

Realização Realização - CBO
Organização/Comercialização Secretaria Executiva - ASSESSOR Secretaria Executiva - MAIS EVENTOS
Agência Oficial Agência de Viagens - Luck Viajens
Agência Web Agência Web - Inteligência Web