• Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa

Programação » Relatos de Caso (Poster)

Código: RC 138
Área Técnica: Plástica Ocular

INSTITUIÇÃO ONDE FOI REALIZADO O TRABALHO:

AUTOR PRINCIPAL:

CO-AUTOR(ES):

TÍTULO:
SIRINGOMA CONDRÓIDE DE PÁLPEBRA

OBJETIVO:
Relatar um caso de tumor raro de pálpebra.

RELADO DE CASO:
L. M. S., masculino, 60 anos, pardo, foi atendido na Fundação Santa Luzia em setembro de 2011. À inspeção, observou-se tumoração em canto medial da pálpebra superior direita (PSD), de aproximadamente 1 cm; à palpação, massa sólida e indolor. O paciente foi submetido à exérese cirúrgica da tumoração. Durante o ato cirúrgico, observou-se lesão de consistência cartilaginosa, que apresentou dificuldade para remoção. O material foi enviado para análise histopatológica, que evidenciou uma lesão encapsulada, composta por células epiteliais e mioepiteliais cuboides em arranjo acinar, além de componentes cartilaginosos e mixoides com focos de calcificação endocondral, característicos de adenoma pleomorfo.

CONCLUSÕES:
O siringoma condroide é um tumor raro caracterizado pela presença de elementos derivados de glândulas sudoríparas envolto por estroma cartilaginoso. Ao estudo histológico, esse tumor é similar ao adenoma pleomorfo de glândula lacrimal. Esses tumores são considerados mistos devido aos achados histológicos mostrando dois componentes principais; um mesequimal e outro epitelial. O siringoma deve ser incluído no diagnóstico diferencial de nódulos sólidos da região periorbital, de longa duração e assintomáticos.

Realização Realização - CBO
Organização/Comercialização Secretaria Executiva - ASSESSOR Secretaria Executiva - MAIS EVENTOS
Agência Oficial Agência de Viagens - Luck Viajens
Agência Web Agência Web - Inteligência Web