• Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa
  • Imagem ilustrativa

Programação » Relatos de Caso (Poster)

Código: RC 030
Área Técnica: Doenças Sistêmicas

INSTITUIÇÃO ONDE FOI REALIZADO O TRABALHO:

AUTOR PRINCIPAL:

CO-AUTOR(ES):

TÍTULO:
DIAGNÓSTICO DE MIELOMA MÚLTIPLO A PARTIR DE ACHADOS FUNDOSCÓPICOS

OBJETIVO:
Relatar diagnóstico precoce de mieloma múltiplo a partir de hemorragias retinianas dispersas em pólo posterior de paciente anteriormente hígido, reiterando a importância do médico oftalmologista no diagnóstico e acompanhamento de doenças sistêmicas, com repercussão prognóstica.

RELADO DE CASO:
R.S., 44 anos, masculino, negro, casado, vendedor, natural e residente em Aracaju-SE. Queixa-se de baixa acuidade visual bilateral e progressiva, pior em olho esquerdo, há 01 mês. Nega dor ocular, hiperemia ou outras alterações oculares associadas. Há relato de perda ponderal e astenia no último ano. Nega patologias sistêmicas conhecidas, cirurgias prévias ou uso de fármacos. Ao exame, apresentava melhor acuidade visual corrigida de 20/30 em olho direito e 20/40 parcial em olho esquerdo. Pressão intra-ocular e biomicroscopia do segmento anterior normais em ambos os olhos. À fundoscopia, apresentava múltiplas hemorragias subrretinianas e em chama-de-vela dispersas em pólo posterior de ambos os olhos, com área de hemorragia mais densa em fóvea de olho esquerdo. Papila rósea e bem delimitada. A angiofluoresceinografia evidenciava hipofluorescência por bloqueio, correspondente às áreas de hemorragia. Foram solicitados exames laboratoriais, com presença de anemia normocítica e normocrômica, VHS elevado, creatinina discretamente aumentada e hipercalcemia. Diante dos achados, complementou-se com eletroforese de proteínas e radiografia de coluna lombar. Neste observou-se osteopenia e naquele, hipergamaglobulinemia monoclonal. O paciente foi referenciado para hematologista para tratamento de mieloma múltiplo. Após tratamento específico, paciente retorna com melhora da acuidade visual e fundoscopia normal.

CONCLUSÕES:
Diante de hemorragias retinianas múltiplas sem causa conhecida, é mandatória a pesquisa de doenças hematológicas, sendo o diagnóstico precoce preditor de sobrevida dos pacientes.

Realização Realização - CBO
Organização/Comercialização Secretaria Executiva - ASSESSOR Secretaria Executiva - MAIS EVENTOS
Agência Oficial Agência de Viagens - Luck Viajens
Agência Web Agência Web - Inteligência Web